Gestão de Desporto

abril 01, 2006

Van Basten propõe um Campeonato de Futebol "Belga-Holandês"

Passado pouco mais de uma semana, do programa da RTP "Prós e contras", sobre a Gestão do Futebol, onde se discutiu também, qual seria o melhor esquema competitivo para a nossa liga portuguesa de futebol, que reduz já este ano para 16 clubes. Neste debate, o ex-ministro das Finanças, Bagão Félix, defendeu uma liga de 10 clubes a 4 voltas, fazendo com que houvesse 4 confrontos Benfica vs Porto, Porto vs Sporting e Benfica vs Sporting decisivos para a atribuição do título.

Vem agora o actual seleccionador holandês, Marco Van Basten, defender a ideia da fusão do campeonato belga e holandês, que seria benéfico ao futebol dos dois países. Aumentaria certamente o mercado alvo, de 10 ou 16 milhões de pessoas, para uns 26 milhões de pessoas e certamente as receitas duplicarem exponencialmente. Teremos que ter em atenção, o evoluir das ideias para estes dois países, porque são países muito idênticos ao nosso em termos de população. Uma solução parecida também não parece muito viável, pois estamos no extremo da Europa e o nosso único vizinho é um dos gigantes, que de certeza só nos aglutinaria.

"Penso que a Holanda e a Bélgica deveriam organizar, conjuntamente, uma única competição. Desse modo poderíamos concorrer com os grandes países como a Inglaterra, Espanha, Itália, França e Alemanha", disse Van Basten.

Van Basten disse acreditar que só uma união entre os campeonatos dos dois países pode fazer com que se diminua a diferença que os separa dos torneios nacionais mais fortes do continente e assim poder manter os jogadores nacionais nos seus campeonatos.

"Quando eu era jogador, poucos atletas holandeses jogavam fora de nosso país. Hoje há vários, e a união dos campeonatos poderia diminuir isso", finalizou. Para Van Basten, a idéia também seguraria alguns jogadores. “Os grandes países nos sugam demais. Na época na qual jogava, havia cinco atletas que estavam no exterior. Hoje, há cinquenta, e isso não é bom”, analisou.

O antigo craque da selecção holandesa, defendeu ainda que a fusão dos dois campeonatos podia ser feita com as dezasseis melhores equipas desses dois países. Os confrontos PSV vs Standard, Club Brugge vs Ajax e Feyenoord vs Anderlecht seriam decisivos para o título do campeonato “belga-holandês”.